Vale do Silício – Fatos e fotos dos imperadores que iniciaram com pingos de solda

Em 1985, o fotógrafo Doug Menuez foi convidado por Steve Jobs para capturar seus momentos de sucesso e ascensão. Menuez recebeu acesso VIP a todos os setores da Apple Computer (hoje Apple Inc.). O feito foi algo de extrema confiança de ambos os lados, mais ainda se levarmos em consideração que a corrida entre as empresas no Vale do Silício para lançar a próxima inovação era feroz e muitas vezes desleal.

Antes de falar sobre o importante trabalho de fotografia documental Fearless Genius, de Doug Menuez, vou trazer um pouco mais de informações, afinal você está no Brain’s Food e tenho certeza de que é uma pessoa faminta por conhecimento. Seja qual for o tamanho do seu apetite, aqui você sempre encontrará algo novo que vai te saciar.

John Lennon foi assassinado em 8 de Dezembro de 1980. O Beatles preferido de Steve Jobs faleceu na segunda feira, quatro dias depois da Apple Computer abrir suas ações para oferta pública. Mesmo com o seu novo produto, o Apple III permaneceu encalhando nas prateleiras ou nos armários dos pobres e decepcionados consumidores que haviam gasto pequenas fortunas por um peso de papel. Porém, a coqueluche Apple II vendia como se fosse de graça, fazendo com que a Apple Computer vislumbrasse o sonho de ter um computador em cada casa. Até o emblemático 12 de Dezembro, nenhuma empresa havia feito tantos milionários instantâneos. Do dia para a noite, Steve Wozniak, co-fundador da Apple (que no início de seu trabalho na garagem de casa com o Apple II queria apenas criar um computador mais potente e eficaz que o Apple I – seu primeiro projeto), levou para casa US$ 116 milhões, mesmo tendo distribuído boa parte entre outros funcionários que não puderam comprar ações. Jobs, com 7.5 milhões de ações na época, se tornou o principal acionista da empresa. Cada ação a US$29,00 no fechamento do dia, renderam a Jobs US$ 217 milhões.

Bom, existem pequenas curiosidades e novidades acerca de assuntos tão comentados tais como a Apple, Jobs, Vale do Silício, mas, caso haja interesse nos conhecidos hippies dos anos setenta que conseguiram criar verdadeiros impérios capitalistas e o berço da tecnologia eletrônica mundial, a dica é o livro: A Revolução Apple de Luke Dormehl da editora Alta Books. Assim como Fearless Genius, de Doug Menuez. Vale lembrar que o foco não é a Apple Computer ou Steve Jobs, mas todos os inovadores, oportunistas e gênios que se assentaram aos tijolos de ouro, banhados de suor para a construção do Vale do Silício.

Fearless Genius

Confira algumas fotografias do livro:

NeXT founder Steve Jobs.

PALO ALTO:  NeXt CEO Steve Jobs and Susan Barnes, NeXt VP and CFO, reacting to a joke tod by an employee on the bus going back to the headquarters in Palo Alto, CA. The team was visiting the unfinished factory in Fremont in March 1987.(Photo by Doug Menuez, Contour by Getty Images)

At a special event for entrepeneurs hosted by the top venture capital firms, Joe Schoendorf, from Accel Partners, reacts to an entrepeneur's idea for a start-up.

color reversal: KODAK UNIVERSAL E6. SBA settings neutral SBA off, color SBA on

Saiba mais sobre a obra Fearless Genius.fearlessgenius-6

Apple Computer co-founder Steve Wozniak (left) and John Sculley (right), who joined Apple in 1983 as president and CEO looking at the original Game Boy, San Francisco, Ca., 1991.

No caption available

NeXT founder Steve Jobs.

No caption available

fearlessgenius-11

Autosave-File vom d-lab2/3 der AgfaPhoto GmbH

fearlessgenius-16 fearlessgenius-18 fearlessgenius-19 fearlessgenius-21

Segundo livro citado: www.buscape.com.br/a-revolucao-apple-luke-dormehl-857608824x.html#precos

No caption available

fearlessgenius-25

DM

Estava com a bio quase pronta, no último ponto percebi que tudo o que eu digitei não estava sendo salvo. Nota: olhar menos para o teclado enquanto digita.